PJ detém suspeito de incêndio em habitação em São Brás de Alportel

O detido tem 34 anos e era o único residente na habitação, que ficou “bastante destruída” devido ao fogo, disse à agência Lusa fonte da Diretoria do Sul da PJ, sublinhando que “não houve vítimas” a registar. 

A fonte da Diretoria do Sul da PJ referiu ainda que a detenção foi realizada “ao final do dia de ontem [segunda-feira]” e que o detido terá alegado estar “cansado da vida” para justificar ter ateado o fogo à residência. 

A PJ revelou num comunicado que os factos na origem da detenção se referem a um incêndio “ocorrido na madrugada do dia 22 de janeiro de 2022, que deflagrou no interior de uma habitação localizada no concelho de São Brás de Alportel”. 

O imóvel afetado tinha sido “recuperado pelo município” e estava destinado ao “arrendamento a preços acessíveis”. 

O suspeito será presente a um tribunal de instrução para ser submetido a primeiro interrogatório judicial e ficar a conhecer as eventuais medidas de coação a que fica sujeito, indicou a PJ. 

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_img

+ Populares

- Publicidade -festa-da-espiga

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste