Portimão: Homem que bateu na mãe de 79 anos fica em prisão preventiva

.

O homem de 42 anos que foi detido pela PSP, na passada sexta-feira, em Portimão, por suspeitas da prática de um crime de violência doméstica sobre a sua mãe, de 79 anos de idade, ficou em prisão preventiva.

“O detido tem 42 anos de idade, vive com a mãe e sofre de transtorno de personalidade, tendo já sido condenado em pena de prisão efetiva. No momento da prática dos factos estava em liberdade condicional”, adianta ao JORNAL DO ALGARVE o Ministério Público, acrescentando que o indivíduo ficou em prisão preventiva após ter sido apresentado para interrogatório judicial em Portimão.

O inquérito prosseguirá agora os seus termos sob a direção do Ministério Público da secção de Portimão do DIAP de Faro.

JA

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste