Portugueses lançam lóbi político em França

.
.

Reunidos na Câmara de Paris, portugueses e franco-portugueses lançaram uma campanha para a inscrição dos portugueses nas listas eleitorais francesas e para votarem nas autárquicas e europeias do próximo ano.

Na reunião, esta sexta-feira (15), na Câmara de Paris, participaram autarcas de origem portuguesa, dirigentes associativos, empresários, diretores de bancos portugueses, um representante da embaixada e ainda o cônsul-geral de Portugal na capital francesa, Pedro Lourtie.

A decisão de lançar uma campanha para sensibilizar os portugueses a inscreverem-se nas listas eleitorais francesas foi tomada por unanimidade e uma comissão foi encarregada de avançar rapidamente com ideias para textos de comunicados e para a realização de spots radiofónicos e televisivos.

1376 autarcas franco-portugueses em França

Mais de um milhão de portugueses e franco-portugueses residem neste momento em França, mas a campanha vai dirigir-se em prioridade aos 492 mil portugueses mononacionais porque destes, segundo dados estatísticos oficiais franceses, apenas 86 mil estão inscritos nas listas eleitorais.

De acordo com números da embaixada de Portugal em França, existem neste momento no país 1376 autarcas de origem portuguesa.

O objetivo de Hermano Sanches Ruivo, autarca em Paris que organizou a reunião, é aumentar consideravelmente, nas autárquicas do próximo ano, o número de inscritos e de candidatos, bem como de deputados municipais de origem portuguesa. “Esperamos mesmo duplicar esses números”, acrescenta Nathalie de Oliveira, autarca em Metz, no norte da França.

Spot radiofónico difundido no telefone do consulado

Na reunião desta manhã surgiram várias ideias para cativar os portugueses para a participação na vida política francesa. Por exemplo, Julien dos Santos, autarca em Gonesse (região parisiense) e quadro dos cafés Delta, propôs que seja feito um apelo nesse sentido nos pacotes de açúcar que acompanham a bica nos cafés e restaurantes portugueses.

Pelo seu lado, o cônsul Pedro Lourtie disse que o Governo de Passos Coelho apoia sem reservas a iniciativa e propôs que o futuro spot radiofónico, que a Rádio Alfa, a rádio portuguesa de Paris, vai produzir gratuitamente seja difundido através do sistema de atendimento telefónico do consulado.

O diplomata disponibilizou ainda as instalações consulares para futuras reuniões e para a distribuição de folhetos com explicações sobre a participação cívica em França aos cerca de 120 mil portugueses que, anualmente, passam pelo consulado.

“Este é um tema prioritário”, acrescentou Jorge Portugal Branco, que representou na reunião a embaixada de Portugal em França.

“A inscrição dos portugueses nas listas eleitorais e a sua participação nas eleições francesas dará mais força à comunidade para defender os assuntos que lhe interessam, como por exemplo a defesa do ensino da língua portuguesa em França”, explicou Hermano Sanches Ruivo.

Daniel Ribeiro (Rede Expresso)

Comentário

Carregue aqui para comentar

pub

 

 

pub

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste