Preparava-se para assaltar ourivesaria e foi detido

A PSP intercetou em Olhão um jovem de 27 anos que caiu do primeiro andar de uma casa devoluta e que se preparava para assaltar uma ourivesaria anexa àquele estabelecimento comercial, informou hoje aquela polícia.

A polícia realizou a interceção após o indivíduo se ter introduzido na casa devoluta, anexa à ourivesaria, e depois de ter caído do primeiro andar, não conseguindo concretizar o crime, “porque caiu do primeiro andar para o rés do chão”, explica a PSP.

Além de impedir o assalto, a PSP apreendeu também várias ferramentas utilizadas na prática de assaltos a ourivesarias que se encontravam espalhadas nas imediações, lê-se no comunicado de imprensa.

Nos momentos subsequentes à interceção, a PSP realizou mais diligências numa outra ourivesaria, localizada a cerca de 100 metros de distância da anterior, e observou vestígios de atos de execução de uma tentativa de assalto.

“Concretamente um buraco numa parede contígua do estabelecimento comercial com outra casa desabitada, bem como a utilização de polietileno envolvendo o alarme sonoro exterior”, explica a PSP.

A PSP informa que nos últimos dias a Brigada de Investigação Criminal de Olhão andava a vigiar quatro suspeitos relacionados com assaltos naquela cidade algarvia.

Durante as ações de investigação, a GNR apurou que quatro indivíduos estavam hospedados numa residencial no centro da cidade, onde para além de pernoitarem também lhes permitia um bom apoio logístico, devido à proximidade dos alvos escolhidos para assaltar, tornando-se fácil a tarefa de reconhecer os locais e as vulnerabilidades das ourivesarias.

Os restantes três indivíduos que a PSP admite estarem a participar nas tentativas de assaltos não foram intercetados e estão a desenvolver-se as diligências para os identificar, informa a mesma fonte.

Advertisements

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar
Tamanho da Fonte
Contraste