Primeira-ministra australiana anuncia fim do mundo

.

Não é nenhuma imitadora: é mesmo a primeira-ministra australiana, Julia Gillard, a anunciar o fim do mundo no dia 21 de dezembro.

Acredite: temos de ter cuidado com os zombies e com as criaturas diabólicas, porque, ao contrário do que a NASA anunciou na semana passada, o fim do mundo chegará mesmo no dia 21 de dezembro.

Não acredita? Mas é a primeira-ministra australiana, Julia Gillard, quem o garante, num vídeo publicado hoje…

Ainda não acredita? Faz bem. Não vale a pena entrar em pânico, mas sim rir com o sentido de humor de Julia Gillard, que gravou um vídeo para um programa de uma rádio australiana, ‘Triple J’, que defende (a brincar…) que o mundo vai acabar no dia 21 deste mês.

“Gangnam Style” é sinal do apocalipse?

“Caros cidadãos australianos, o fim do mundo está a chegar”, anuncia a primeira-ministra, num tom sério, antes de avisar o mundo para os perigos dos zombies, das criaturas diabólicas e da… pop coreana, ou k-pop, celebrizada pelo fenómeno viral ‘Gangnam Style’, do cantor Psy.

Não foi o “Y2K” – o bug do ano 2000 -, nem o “carbon tax” – imposto sobre a poluição lançado pelo governo australiano que criou polémica – a acabar com o planeta, mas Julia Gillard adianta que o calendário Maia está mesmo certo e acabará definitivamente no dia 21 de dezembro.

Depois de prometer “lutar” por todos os cidadãos, Julia Gillard acaba a mensagem dizendo que “pelo menos” não terá de voltar ao ‘Q&A’, um programa australiano onde os convidados são questionados de forma dura pela audiência e por políticos.

Resta perguntar: imagina Pedro Passos Coelho (ou mesmo Vítor Gaspar) a fazer um sketch parecido?

Mariana Cabral (Rede Expresso)

pub

 

 

 

Tamanho da Fonte
Contraste