Resistência e arraiais para celebrar o Dia da Cidade de Tavira

.

Tavira prepara-se para celebrar o Dia da Cidade, feriado municipal (apesar de este ano ser ao domingo), que se assinala anualmente a 24 de junho. Serão três dias de festa que culminam na noite do próximo domingo com o concerto do grupo Resistência, na Praça da República.

Para sábado, está agendada a encenação da Moura Encantada, pela Armação do Artista, que decorrerá a partir das 22h30 no castelo, seguida de um espetáculo piromusical, que, como o nome indica, junta música e fogo de artifício, na Ponte das Forças Armadas, quando faltar um minuto para a meia-noite.

No domingo, Dia da Cidade, a cerimónia do hastear das bandeiras acontece às 10h30. A Biblioteca Municipal Álvaro de Campos acolhe, a partir das 11h00, a sessão solene na qual serão atribuídas medalhas de bons serviços e dedicação, aos funcionários da Câmara que completaram 20 e 30 anos de serviço, bem como de mérito municipal. Às 22h00 começa, na Praça da República, o concerto do gripo Resistência.

Arraiais até ao final do mês

Mas a animação arranca logo na sexta-feira, com os arraiais dos Santos Populares, no Jardim do Coreto, num cenário decorado a preceito.

O primeiro será animado pelo grupo Bailasons. No dia seguinte, sábado, haverá sardinhada e a população é convidada a saltar a fogueira, ao som de Fábio Lagarto e do Rancho Folclórico de Tavira.

Os arraiais prosseguem com o grupo Mais Dois (domingo, 24), Sons do Sul (dia 28), Cristiano Martins (dia 29) e Ângelo Pereira (dia 30). A animação no Jardim do Coreto começa sempre às 21h00, à exceção de sábado (terá início uma hora mais cedo).

Além daquele “palco” instalado no centro da cidade de Tavira, os arraiais decorrem um pouco por todo o concelho, num ambiente de festa, com sardinha assada, fogueiras e manjericos.

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste