Rui Costa quer Benfica como recordista de triunfos

O Benfica vai participar no Torneio Internacional do Guadiana de futebol com o objetivo de alcançar a quarta vitória na prova e tornar-se no clube com mais triunfos em 10 edições, disse o diretor desportivo, Rui Costa.

Durante a apresentação do torneio, realizada num hipermercado de Tavira que patrocina a prova de pré-época algarvia, Rui Costa deu os parabéns à organização, a cargo da João Peres Sports, com o apoio da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, pela 10.ª edição e recordou a história do Benfica na prova.

“É um prazer enorme estarmos presentes, uma vez que em 10 edições participámos em oito, ganhámos três, falta-nos uma vitória para sermos a equipa mais vitoriosa deste torneio e esperemos que seja já desta”, afirmou o dirigente “encarnado”.

Rui Costa elogiou o torneio algarvio, que disputa entre sexta feira e domingo em Vila Real de Santo António, considerando que “está ao nível já dos grandes torneios por essa Europa fora”, e frisou que os clubes convidados – nesta edição os holandeses do Feyenoord e os ingleses do Aston Villa (ambos estreantes), – “conseguem abrilhantar a festa e fazer com que o torneio seja de grande dimensão e equilíbrio”.

“E, como disse, procuramos a nossa quarta vitória para ser a equipa mais vitoriosa, iremos ter a dificuldade de apanhar outros dois ex-campeões europeus, duas equipas de renome, mas é isto que faz também com que o Benfica esteja sempre presente, porque vem preparar-se para temporada, mas vem competir com equipas do nível e intensidade que nós procuramos”, acrescentou.

Rui Costa deu por isso os parabéns aos organizadores, pela “dimensão que já conseguiram dar a esta competição”, que terá um formato triangular, arrancará na sexta feira com o Benfica-Feyenoord e terminará no domingo com o embate entre os “encarnados” e o Aston Villa, que no sábado defronta a equipa holandesa.

Sobre a cobiça de clubes estrangeiros em jogadores do Benfica, como o brasileiro Luisão, o “maestro” disse que “o plantel está a ser formado para a próxima temporada” e que “neste momento o clube está contente com o plantel que tem”.

“Se irá entrar ou sair alguém só o tempo o dirá, não somos nós agora a dizê-lo. Vamos aguardar para ver, mas, neste momento, o Luisão é jogador do Benfica”, acrescentou o dirigente, que, perante a insistência dos jornalistas relativamente ao interesse de grandes emblemas da Europa noutros jogadores, como Ramirez, David Luiz ou Cardozo, respondeu que “isso significa que o Benfica tem uma grande equipa”.

“O Benfica fez uma temporada extraordinária no ano passado, os seus jogadores fizeram individualmente uma grande temporada e é normal que apareça a cobiça de outros clubes estrangeiros, que possam dar outras condições financeiras aos jogadores. É normal também que os jogadores possam pensar nelas também”, disse o dirigente.

Rui Costa admitiu, no entanto, que “até ao encerramento do mercado de transferências no final de agosto muita coisa se vai mexer na Europa fora no futebol” e “o mercado só acaba nessa altura”.

Sobre o guarda-redes espanhol Roberto, contratado ao Atlético de Madrid e muito criticado devido às más exibições nos primeiros jogos com a camisola “encarnada”, Rui Costa disse que “apesar de as coisas no início não terem corrido da melhor forma, o clube acredita nas suas qualidades” e “só está a ser tão criticado porque é uma posição muito específica na qual quando se erra dá golo”.

Advertisements

Comentário

  • Vergonhoso é o facto de a Casa do Benfica em VRSA, “obrigar” a comprar rifas de 1 euro, por cada bilhete adquirido para os jogos. Ainda acrescentar que crianças a partir de 3 “PAGAM TODAS” foi a falsa informaçao dada pela funcionaria, visto que no verso dos bilhetes informa que até aos 6 anos na Zona Nascente não pagam!

Carregue aqui para comentar
Tamanho da Fonte
Contraste