Rui Pereira apela a «procedimento cuidadoso»

Rui Pereira, em S. Pedro do Sul

O ministro da Administração Interna, Rui Pereira, apelou este domingo a um comportamento mais cuidadoso de todos, sublinhando que há fogo

s a deflagrar «mesmo à noite».

«O nosso lema é “Portugal sem fogos depende de todos” e portanto apelo aqui também ao procedimento cuidadoso de todos os portugueses», afirmou o ministro, que se deslocou ao local do incêndio que lavra na serra da Gralheira, em S. Pedro do Sul (Viseu).

Rui Pereira realçou a «situação muito desfavorável» que os bombeiros enfrentam na última semana, com «mais de 400 fogos por dia». «Temos tido mais de 400 fogos por dia, devido às condições climatéricas mas também devido a actos ou negligentes ou dolosos têm desencadeado esses incêndios. Toda a gente sabe que a maioria dos incêndios tem origem humana», acrescentou.

«Mesmo à noite há vários fogos que começam a deflagrar, o que prova que não existe comportamento cuidadoso por parte de todos», frisou o ministro.

De acordo com a Protecção Civil, a combater as quatro frentes do incêndio que desde sexta-feira lavra em São Pedro do Sul (Serra da Gralheira) estavam às 13:30 mais de 240 homens, apoiados por mais cerca de 60 veículos e cinco meios aéreos (três helicópteros pesados e dois aviões Canadair).

AL/JA

Advertisements
Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste