Taxa de ocupação desce 2,1% na primeira metade do ano

.

A taxa de ocupação global no Algarve, no passado mês de junho, desceu 4,5%, face ao período homólogo de 2017, fixando-se nos 79%. Em termos acumulados, desde o início do ano, a taxa de ocupação quarto regista uma descida de 2,1%.

De acordo com as estatísticas reveladas pela Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), o mercado britânico (-14,1%), o alemão e o irlandês (ambos com -19,7%) foram os que mais desceram.

Por zonas geográficas, as maiores descidas verificaram-se em Lagos/Sagres (-14,1%) e Monte Gordo/VRSA (-12,5%). A zona de Vilamoura/Quarteira/Quinta do Lago registou uma subida de 7,1%, enquanto Albufeira, a principal zona turística, registou uma descida de 3,9%.

Quanto às categorias, destaque para a subida em todos os estabelecimentos com exceção dos hotéis de 5 estrelas, que registam uma descida média acumulada desde o início do ano de 6,5%.

Já o volume de vendas subiu 2,1 por cento durante o mês, face ao período homólogo, e aumentou 3,7% desde o início do ano, em relação ao mesmo período do anterior.

JA

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste