ECONOMIA

Taxa de ocupação no Algarve desceu 35% em agosto

PUB

O Algarve registou uma taxa de ocupação global média/quarto de 60,5% em agosto, o que representa uma descida de 35% em relação ao mesmo mês do ano anterior, anunciou a Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA).

O mercado britânico foi o que mais contribuiu para a descida verificada (-18,4pp), seguido pelo irlandês (‑4,2%), francês (-2,8pp) e alemão (-2,6%). Já o mercado nacional foi o único a subir, (+6,4pp), tendo representado 67,7% do total das dormidas no mesmo período.

O volume de vendas apresentou uma descida face ao mesmo mês do ano anterior de 36,5%. Em valores acumulados, a ocupação cama regista uma descida média de -58,1% desde janeiro e o volume de vendas uma descida de -56,8%.

Segundo a AHETA, os dados apresentados refletem o aumento da procura do mercado britânico de 3,5pp face ao mês de julho, no seguimento da abertura do corredor aéreo entre o Reino Unido e o Algarve, a 20 de agosto.

Refeltem também o aumento da procura por parte do mercado interno face ao mesmo período do ano passado, “uma vez que os nacionais concentraram a procura neste mês atendendo à existência de mais oferta disponível e a preços mais acessíveis, em prejuízo da procura nos meses de julho e setembro”, conclui a associação hoteleira.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
Bloggers %d como este: