ALGARVE

Total de marroquinos fugitivos já capturados ascende a nove

Embarcação usada por migrantes. Imagem de arquivo

Nove dos 17 marroquinos que fugiram na madrugada de ontem do Quartel de Tavira já foram capturados, todos eles a poucos quiómetros do local de fuga, disse ao JA fonte do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Nas últimas horas, quando as autoridades já contabilizavam dois capturados, foram detetados e apanhados outros dois fugitivos, em Tavira e Castro Marim, ambos pela GNR, disse hoje ao JA a fonte do SEF.

Além dos dois primeiros, capturados pouco depois da fuga ainda em Tavira, pela PSP, um outro foi localizado e detido pela GNR de Vila Real de Santo António e um na Fuseta também pela GNR. Ontem à tarde foram capturados mais três fugitivos, pela GNR de Tavira, e os restantes dois foram caturados entre o fim de tarde e a noite que passou, adiantou a mesma fonte.

O grupo de 17 dos 24 marroquinos que estavam alojados no quartel do exército em Tavira, a fazer a quarentena profilática depois de dois deles terem acusado positivo à COVID-19, fugiu durante a madrugada de quinta-feira.

A fonte dos Serviço de Estrangeiros e Fronteiras disse que 17 dos 22 ausentaram-se das instalações militares onde se encontravam há seis dias.

Os fugitivos fazem parte do último grupo que chegou à costa algarvia a bordo de uma pequena embarcação, no dia 15 de setembro. Desembarcaram na ilha Deserta e horas depois tinham sido capturados.

Tamanho da Fonte
Contraste
Bloggers %d como este: