Três dos doentes internados no Hospital dos Capuchos estão irremediavelmente cegos

Três dos quatro pacientes que estão internados no Hospital dos Capuchos depois de terem sido operados aos olhos numa clínica privada no Algarve estão irremediavelmente cegos, informou esta segunda-feira o Centro Hospitalar de Lisboa Central (CHCL).

Numa nota informativa enviada às redações, o “CHLC comunica que a equipa médica de Oftalmologia concluiu que estão esgotados todos os procedimentos com o objetivo de tentar preservar a função da visão, dos três doentes sujeitos a cirurgia de cataratas a um único olho”.

“Confirma-se assim a perda definitiva da visão do olho lesado desses três doentes em causa”, lê-se no comunicado.

No que diz respeito à paciente com 35 anos que foi internada depois de ter sido sujeita a uma cirurgia para colocação de lentes intraoculares nos dois olhos, o CHCL adianta que “continua ainda sob tratamento, mantendo porém o prognóstico muito reservado e que desde início caracterizou esta grave situação”.

Quatro pessoas encontram-se internadas no Hospital dos Capuchos, em Lisboa, em estadoágrave após terem sido submetidas a operações aos olhos numa clínica privada na Lagoa (Algarve).

As quatro pessoas foram operadas a 20 de julho, tendo a mulher de 35á anos que fez um implante de lentes intraoculares ter dado entrada dois dias depois na urgência no Hospital de São José, Lisboa, com uma infeção grave.

Os outros doentes, três idosos que foram operados às cataratas, chegaramá àquele hospital no dia 26 de julho com os mesmos sintomas.

A clínica onde as pessoas foram operadas estava em situação irregular,á estando a IGAS a investigar o caso desde 28 de julho.

AL/JA

Advertisements

pub

 

Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste