Uma viagem pela cidade de Silves ao som de jazz e bom vinho

A iniciativa Jazz nas Adegas vai recomeçar no próximo dia 5 de outubro, pelas 18h00, em Silves, com uma sessão diferente e itinerante, que permitirá aos participantes conhecerem e desfrutarem do património histórico e monumental desta localidade. Os “Feel Good Band” são os convidados musicais, que ao longo de um percurso que inclui diversos locais importantes dentro da cidade, conduzirão musicalmente esta viagem, na qual o jazz visitará a cidade de Silves.

Assim, o público presente deslocar-se-á em grupos organizados e guiados em trajetos diferentes, que passarão pela Praça Al-Muthamid (ponto de encontro), pelo Castelo de Silves e pelo Teatro Mascarenhas Gregório, onde todos poderão assistir a um pequeno concerto final.

Em todos os pontos de paragem haverá degustação de vinhos de produtores do concelho de Silves e momentos musicais.

Os “Feel Good Band” são um grupo composto por Rui Silva (saxofone alto), Paulo Raminhos (saxofone alto), Pedro Sousa (saxofone tenor), Eveline Sakkers (saxofone barítono), Govert Sakkers (baixo elétrico), Paulo Franco (baterista) e Carlos “Shaka” Santos (guitarra e direção musical), que apresenta um reportório constituído por temas que vão desde a “Pink Panther” até “Tequila”, “I Feel Good” passando por “Stolen Moments” e “Sidewinder” ou “Misty”, pautando as suas atuações por um ambiente descontraído e cheio de ritmo e groove. É formada por alunos da classe de combos da Associação Filarmónica de Faro.

O Jazz nas Adegas é organizado pela Câmara Municipal de Silves e integra, mais uma vez, a programação cultural 365 Algarve, contando com produção artística do Ginásio Clube de Faro.

Trata-se de uma iniciativa que pretende dinamizar culturalmente os locais onde se produzem os vinhos de Silves, numa simbiose entre o vinho, o seu produtor e a música, proporcionando uma experiência única ao público, em locais pouco usuais para a apresentação de um concerto de jazz. Procura, ainda, valorizar todo o património material e imaterial do concelho, dando-o a conhecer através de uma experiência e um contacto diferente com o mesmo.

Os ingressos custam 12 euros e incluem, para além do concerto, prova de vinhos do produtor, degustação de tapas de produtos locais, voucher de visita ao castelo e Museu Municipal de Arqueologia e a oferta de uma garrafa de vinho. O evento destina-se a maiores de 18 anos.

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

>
Tamanho da Fonte
Contraste