OPINIÃO

VAI ANDANDO QUE ESTOU CHEGANDO

OPINIÃO | CARLOS FIGUEIRA

Nesta semana última realizou-se uma importante reunião intercalar da Associação Internacional de Cidades e Entidades do Iluminismo (AICEI) estrutura da qual VRSA não só faz parte como detém a presidência do órgão executivo. A reunião realizou-se no Município de Es Castell em Menorca e desde logo quero sublinhar o cuidado, a atenção que por eles nos foi dispensada, garantindo condições óptimas para que a reunião se realizasse, mas igualmente quanto ao programa cultural que nos dispensaram, com visitas guiadas ao que de mais importante detêm no plano patrimonial, muito assente em fortificações militares, para além do seu bem tratado centro histórico.

Fizeram-me recordar que justamente há onze anos, em 2007, ali tinham acolhido uma reunião semelhante da AICEI na qual também tive a possibilidade de participar, iniciando então um percurso de trabalho, nesta área, até aos dias de hoje, através do exercício de poderes delegados pelo Presidente Luís Gomes e agora pela Presidente Conceição Cabrita. Na altura VRSA era a única estrutura portuguesa a participar na Associação. Incrível como o tempo passa, de facto não me dei conta que já tinham passado mais sete anos de vida. Da reunião recordo algumas das mais importantes decisões tomadas: a alteração da sede de Ferrol para Valência, acolhida no seio do Museu do Iluminismo e igualmente a decisão da realização de um Congresso em VRSA que de facto constituiu assinalável êxito.

Nesta reunião de agora a AICEI já conta com uma assinalável presença de entidades portuguesas porque para além do nosso município fazem parte a Covilhã, Lisboa, a Universidade de Coimbra e temos pedido de adesão da cidade do Fundão, bem como vários protocolos com diversas universidades, as mais recentes de Bogotá, na Colombia bem como da Nova Guatemala. Ou seja a Associação ganhou solidez, notoriedade, num processo que no plano executivo se deve em muito ao trabalho paciente e persistente que temos vindo a desenvolver.

Cabe destacar que nesta reunião definimos alguns acertos para o próximo Congresso, a realizar num departamento da Universidade de Coimbra, na primeira quinzena do próximo Outubro, sob o lema “ Iluminismo – Ciência e Educação “. Coube também a aprovação de um Protocolo com o MUVI que se encargará de actualizar todas as nossas formas de Comunicação. Nesse sentido posso afirmar que se tratou de uma tão interessante como profícua reunião.

Não contava regressar tão rápido a Menorca, o que significa que num percurso assente em laços familiares, durante alguns anos, constitui um espécie de vaivém, entre VRSA e S. Luis na respectiva ilha. Não deixou todavia de ser interessante, entrar em restaurante onde dezenas de vezes, ao longo de anos, tive a oportunidade de frequentar, e o mesmo se pode aplicar a bares entre o os quais Calas Fon, num ambiente muito especial, pelo lugar e o convívio que proporciona, a ouvir Habaneras e outras melancólicas canções mediterrâneas.

De regresso e olhando para o passado vivido, dei-me conta que tinha exorcizado todos os fantasmas que podem ter existido. De facto só razões muito excepcionais justificariam da minha parte, uma viagem a Menorca.

carlosluisfigueira@sapo.pt

NB: Defendo que o aeroporto de Faro se passe a chamar aeroporto do Algarve Manuel Teixeira Gomes

Carlos Figueira

Advertisements

Assine já com 10% de desconto. Cupão: CPNOVO Ignorar

Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: