REPORTAGEM ÚLTIMAS

Vila-realense já atravessou Portugal… a pé

José Júlio Brito usa habitualmente as bermas das estradas, mas também costuma "cortar caminho"
José Júlio Brito usa habitualmente as bermas das estradas, mas também costuma “cortar caminho”

Depois de várias aventuras, em que caminhou semanas a fio no nosso país e em Espanha, José Júlio Brito prepara-se para outra, já este ano: uma caminhada ao longo de toda a costa portuguesa. Outro dos projetos futuros, mas ainda sem data definida, é a ligação, também a pé, entre quatro países e passando por quatro locais de peregrinação: Fátima (Portugal), Santiago de Compostela (Espanha), Lourdes (França) e Roma (Itália). Diz que não são as promessas que o movem, mas sim os desafios e as lições de vida que dá e recebe ao longo das suas aventuras. Chamam-lhe o “Peregrino Algarvio” e é com esse nome que se identifica na internet, onde possui um “blogue” e uma página no Facebook, que usa para relatar as suas histórias

Domingos Viegas

Passava pouco das quatro horas da madrugada. José Júlio Brito, residente em Vila Real de Santo António, pegou na mochila depois de tomar o pequeno almoço e fez-se à estrada para uma caminhada. Mas uma caminhada diferente daquilo que a maioria das pessoas estão habituadas. Só parou na fronteira com Espanha, na zona de Chaves, 19 dias depois e após percorrer cerca de 950 quilómetros, a pé.

Foi assim que passou as suas férias no verão de 2012. E é assim, a caminhar, que tem passado as férias e muitos dos seus fins de semana desde 2010. As caminhadas de cerca de 100 quilómetros que faz aos fins de semana são usadas como treino para os desafios maiores, que realiza uma vez por ano.

“Começou como um desafio, mas transformou-se num modo de vida. Costumo dizer que as minhas férias são sempre a andar”, diz José Brito, 37 anos, funcionário na Unidade de Ambiente da empresa municipal SGU, da cidade pombalina…

…(reportagem completa na edição impressa do Jornal do Algarve que está nas bancas desde quinta-feira, 6 de março)

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste