POLÍTICA

Bombeiro Dino Lourenço quer conquistar Câmara de Vila do Bispo

dino loureço vila do bispo

O bombeiro profissional Dino Lourenço vai concorrer como independente à presidência da Câmara de Vila do Bispo nas eleições autárquicas de setembro, movido por “um espírito altruísta e de rutura” com os partidos políticos, disse o próprio.

O candidato, de 42 anos, vai encabeçar o movimento independente ‘Somos pelo concelho de Vila do Bispo’, o qual, diz, integra pessoas na sua maioria independentes, “mas também de vários quadrantes partidários e que não se reveem nas opções políticas dos seus partidos”.

“Decidi concorrer para conquistar a Câmara, motivado pelas pessoas, porque entendo que este é o momento de união, de debate de ideias e de criar soluções. Este é o momento de ouvir e ser ouvido, de contribuir para uma candidatura da população e não de partidos”, afirmou.

Bombeiro profissional há cerca de 20 anos na corporação dos bombeiros voluntários locais, Dino Lourenço iniciou-se na política em 2004, ao integrar as listas do Partido Socialista para a Assembleia de Freguesia da sede do concelho, onde em 2009 desempenhou o cargo de secretário.

Em 2013, encabeçou a lista vencedora do PS à Assembleia de Freguesia de Vila do Bispo, assumindo a presidência daquele órgão autárquico, tendo sido reeleito em 2017, desta vez pela coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM, depois de deixar a militância socialista.

Na opinião de Dino Lourenço, o seu percurso político na presidência da Junta de Freguesia de Vila do Bispo e Raposeira permitiu-lhe acumular “ao longo de oito anos um conhecimento aprofundado de gestão autárquica e de como solucionar os problemas do concelho”.

O candidato aponta a falta de habitação social como um dos grandes problemas de Vila do Bispo, a par de outros, “como a ausência de investimento público e de gestão dos recursos naturais, do turismo e do ordenamento do território”.

“O concelho tem um grande potencial e acredito que a minha geração tem uma maior capacidade e qualificação e a vontade de fazer melhor”, concluiu.

Dino Lourenço tem como adversários já conhecidos na corrida à presidência de Vila do Bispo a atual presidente, Rute Silva (PS), Paula Freitas (PSD) e Alexandre Estradas (CDU).

Nas eleições autárquicas de 2017, o PS obteve maioria absoluta em Vila do Bispo, com 54,94% dos votos, elegendo quatro dos cinco lugares para a Câmara Municipal, contra um da coligação formada pelo PSD/CDS-PP/MPT/PPM (23,92%).

As eleições autárquicas estão marcadas para o dia 26 de setembro.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste