ÚLTIMAS

8525 detidos desde janeiro por tráfico de drogas, entre eles quatro portugueses

Pelo menos 8525 pessoas, incluindo quatro portugueses, foram detidas na Venezuela por tráfico de droga entre 01 de janeiro e 15 de outubro deste ano, indicam dados hoje divulgados pelas autoridades venezuelanas.

De acordo com o Gabinete Antidrogas venezuelano (ONA), 8247 detidos são venezuelanos e 278 estrangeiros, entre os quais 17 cabecilhas de redes que foram deportados.

Os quatro portugueses são três homens e uma mulher.

A Colômbia é o país com mais detidos e acusados de tráfico de droga na Venezuela: 174 colombianos (151 homens e 23 mulheres). Segue-se a Turquia com 23, a Espanha com 19 e a República Dominicana com seis.

Com cinco detidos surgem a Holanda e as Honduras, seguindo-se Itália com quatro. Portugal encontra-se na oitava posição com quatro detidos (três homens e uma mulher). Chile, Nigéria, Peru e Rússia tem três detidos cada um. O Brasil e o Canadá ocupam os últimos lugares com dois detidos de cada país nas prisões venezuelanas por tráfico de droga.

As detenções ocorreram durante 6476 operações realizadas pelo Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (Cicpc, antiga Polícia Técnica Judiciária), a Guarda Nacional (polícia militar), a Polícia Nacional Bolivariana, o Serviço Bolivariano de Inteligência (polícia política) e vários organismos policiais regionais e municipais.

O ONA refere ainda que, no mesmo período, foram confiscados 54 000 quilogramas de droga em diversas partes do país.

AL/JA

PUB
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste