Alcoutim atribuiu até 14.500 euros para a futura Brigada de Sapadores Florestais da região

.

.

A Câmara Municipal de Alcoutim aprovou atribuir à AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve uma comparticipação financeira até ao valor de 14.500 euros, a pagar durante cinco anos, de 2018 a 2022, com vista a contribuir para as despesas de funcionamento de uma Brigada de Sapadores Florestais.

A AMAL decidiu avançar com a criação de uma brigada de sapadores florestais, que vai atuar em toda a região do Algarve. Para tal, apresentou, no âmbito do aviso de abertura de concurso para a Criação de Equipas de Sapadores Florestais (do ICNF), uma candidatura para a constituição de uma brigada, que englobou todos os municípios do Algarve.

A referida candidatura foi aprovada tendo o respetivo termo de aceitação sido assinado no passado dia 12 de maio, em Montalegre.

A Brigada de Sapadores Florestais vai ter a base operacional instalada em São Marcos da Serra, no concelho de Silves. Trata-se de 15 sapadores que deverão ser agrupados em três equipas de cinco operacionais, podendo uma delas ser alocada ao concelho de Monchique e outra ao concelho de Loulé.

O concurso para a admissão destes novos profissionais já abriu, podendo o aviso nº 13655/2018 ser consultado no Diário da República, 2ª Série, nº 185, de 25 de setembro.

Além da contratação de recursos humanos, a brigada será também equipada com o material necessário.

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste