Venda de reciclados ajuda a alimentar crianças carenciadas

A campanha “Separar para Alimentar”, promovida pela empresa Algar e a associação Entrajuda, a favor do Banco Alimentar Contra a Fome do Algarve (BACF), está a ser um sucesso.

Segundo os responsáveis, os resultados de 2018 permitiram obter uma verba suficiente para proceder à aquisição de “cerca de 680 papas alimentares”, que foram destinadas às crianças carenciadas da região até aos três anos de idade. Estas papas são entregues às famílias apoiadas pelo Banco Alimentar do Algarve.

A campanha “Separar para Alimentar” conta já com cinco anos de existência. O objetivo tem sido angariar embalagens recicláveis de plástico, metal e embalagens de cartão para alimentos líquidos e, com a sua venda, adquirir bens alimentares próprios para crianças até aos 36 meses de idade.

No âmbito desta ação foram criados centros de deposição para a captação do material, nas instalações da empresa Algar, responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos urbanos produzidos nos 16 concelhos da região, e no Banco Alimentar do Algarve.

Segundo Nuno Alves, presidente da direção da instituição, “o banco alimentar do Algarve, coopera atualmente com 107 instituições, prestando apoio a 3.818 famílias, mediante a distribuição de géneros alimentares a 9.410 pessoas, das quais 2.219 são crianças com idades inferiores aos 12 anos”, para quem vai este apoio angariado nesta campanha.

O BACF contribui ainda com 19.704 refeições que são preparadas diariamente por 63 instituições (pequenos-almoços, almoços, lanches e jantares).

Cinco anos a ajudar quem mais precisa

“Desde 2013 que a campanha tem recebido a adesão por parte da população e de várias entidades locais, que, com o gesto da separação dos resíduos, já garantiu o encaminhamento para reciclagem de 44.135 quilos de resíduos de embalagens e permitiu a entrega de 5.000 euros em bens alimentares, ajudando assim quem mais precisa”, realça Telma Robim, presidente da comissão executiva da Algar.

O resultado desta iniciativa tem sido muito positivo, pelo que a mesma vai continuar até 31 de agosto de 2019, altura em que terminará para dar lugar a “toneladas de ajuda”, um projeto que será divulgado pela Algar ainda este ano.

Até lá, todos os que desejarem colaborar com a campanha “Separar para Alimentar” poderão entregar as embalagens vazias nas instalações da Algar, que se encontram distribuídas por toda a região do Algarve, desde Aljezur até Alcoutim, ou nas instalações do banco alimentar em Portimão e Faro.

pub

 

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste