Câmara de Lagoa atribui 846 mil euros a instituições de solidariedade

A autarquia lagoense assinou recentemente quinze protocolos de cooperação com instituições de solidariedade social e humanitárias, cuja intervenção recai sobre “a sociedade civil mais carenciada ou em situação de vulnerabilidade”.

Os protocolos, num valor que ascendem a 846 mil euros, pretendem manter em funcionamento “as respostas sociais, os projetos e ações das instituições sem fins lucrativos, enquanto garante da proteção aos cidadãos dependentes e dos grupos mais vulneráveis da população, nomeadamente a infância, a juventude, a população sénior e os cidadãos com deficiência”, realça a Câmara de Lagoa.

Sem estes apoios, a autarquia refere que o funcionamento de diversas instituições locais estaria em “sérios riscos” – creches, centros juvenis e de idosos, campos de férias, protecção civil, socorro e transporte de doentes, serviço de apoio domiciliário, etc. -, com prejuízo para a qualidade de vida dos munícipes beneficiados.

NC/JA

Advertisements

pub

 

Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste