Castro Marim: Orçamento com aposta no abastecimento de água

Dos 22.639.120,00 euros deste orçamento do município de Castro Marim, 12.403.817,00 deles são despesas correntes e 10.235.303,00 são despesas de capital, totalizando no maior desde 2013. 

No início deste ano está previsto o arranque das empreitadas de abastecimento de água a Pisa Barro de Baixo, Pisa Barro de Cima e Matos, além da Reabilitação do Reservatório de Água do Azinhal. e da melhoria da cobertura de rede móvel e internet. 

Já para o interior do concelho, o município vai apostar no Centro de Atividades Náuticas na Barragem de Odeleite e no Regadio das Margens da Ribeira de Odeleite. 

A autarquia destaca ainda as obras da Ciclovia EN 125-6 no troço Espargosa até à Praia Verde, o Espaço Multifuncional da Envolvente à Casa do Sal, as infraestruturas do Plano de Pormenor nº 1 de Altura e a requalificação da Escola de Altura. 

Estes investimentos municipais vão juntar-se aos novos empreendimentos como o Verdelago, Eco Hotel da Maravelha e a Cannprisma. 

O novo orçamento inclui ainda as contrapartidas financeiras do projeto Verdelago, que incluem a requalificação da Rua da Alagoa em Altura, a construção da rotunda da Praia Verde, a construção do Pavilhão Multiusos de Altura e a beneficiação e requalificação da zona nascente da Avenida 24 de junho em Altura. 

- Publicidade -

Existem ainda verbas destinadas à conclusão das infraestruturas da Urbanização da Quinta do Cabeço – LUPAMAR e para a conclusão das infraestruturas na Urbanização das Laginhas no Monte Francisco. 

Outro dos investimentos que faz parte deste orçamento é a recolha de resíduos sólidos e limpeza urbana, com uma nova política que obriga à separação seletiva dos bio resíduos. 

“São novos desafios, que implicam uma nova orgânica, uma nova consciência municipal, a reorganização dos serviços e também uma formação permanente, contínua”, sublinha a vice-presidente e vereadora dos pelouros, Filomena Sintra. 

Para este ano, surgirá o Lar de Alzheimer da Santa Casa da Misericórdia de Castro Marim, a Unidade Local de Formação de Bombeiros do Azinhal e uma Unidade Móvel de Saúde. 

“Um dos grandes desafios que se afigura à gestão autárquica de 2022 prende-se com as transferências de competências do Estado nas áreas das praias, da saúde, da educação, da ação social e dos espaços naturais. Esta descentralização implica a reorganização orgânica dos serviços internos da Câmara, o que se traduz também num aumento com as despesas com o pessoal na ordem dos 19%”, acrescenta a autarquia em comunicado. 

Está agora a ser elaborada uma Estratégia Local de Habitação, a 6 anos, que pretende disponibilizar habitação no mercado a custos controlados e renda apoiada, acima de tudo nas povoações dispersas. 

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

+ Populares

- Publicidade -castro-marim-santos
- Publicidade-spot_img

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste