“Dama da Luz” novo livro de José Cruz

A Biblioteca António Vicente Campinas, em Vila Real de Santo António foi palco para a apresentação do livro “Dama da Luz” de José Cruz. Na passada quinta-feira, dia 24 de outubro, o auditório da biblioteca encheu-se de amigos do autor que não quiseram faltar ao lançamento do segundo livro da trilogia “Fronteira de Bloqueios”.
O romance “Dama da Luz” foi apresentado por Miguel Godinho, em representação da Câmara de Vila Real de Santo
António e por Hélder Oliveira, da editora Guadiana.
Miguel Godinho, apresentou o livro como sendo um romance histórico, que conta a história da criação da cidade de
Vila Real de Santo António, o que sucedeu após o terramoto de 1775, as mudanças políticas e as questões sociais.
O romance “A Dama da Luz”, passa-se no ano de 1760, onde as personagens Mariana e Brandão fundam uma
pequena companhia de pesca e exploração de salinas, na Vila de Castro Marim e em Monte Gordo. Neste período surge o Iluminismo, e com ele tempos de mudança, perspetivando-se a fundação de uma nova cidade junto da foz do Guadiana, a cidade de Vila Real de Santo António. O autor da obra afirma que o livro “ é uma análise das comunidades piscatórias de Portugal e Espanha… o rio é o tronco principal de uma unidade geográfica de ambos os lados da fronteira”, o romance, relata as consequências do terramoto nas comunidades piscatórias.
José Cruz, o autor do livro, que está ligado ao Jornal do Algarve há várias décadas, onde já exerceu o cargo de chefe de redação, nasceu em Vila Real de Santo António, já escreveu variados livros, desde romances, contos, poesia, peças de teatro, escreveu diversos artigos em diferentes órgãos de comunicação. Cruz considera “que os livros e literatura têm de ser intensos e refletirem as vivências de cada um”.

Carmo Costa