DESPORTO MODALIDADES

Enorme perda para o Desporto Paralímpico: Faleceu Nuno Alpiarça

[mobileonly] [/mobileonly]

O Comité Paralímpico de Portugal acaba de comunicar o falecimento, hoje, em Lisboa, do atleta-guia e
treinador Nuno Alpiarça, de 54 anos, vítima de doença súbita, no decorrer de um treino com o atleta paralímpico Luís Gonçalves.
Professor de Educação Física e figura incontornável do Atletismo Paralímpico em Portugal com uma
experiência de 25 anos, Nuno Alpiarça foi atleta-guia e treinador de vários atletas, tendo
contribuído de forma ativa para a conquista de três medalhas paralímpicas como atleta-guia de Carlos
Lopes, em Atlanta 1996 e Sidney 2000 (x2) e duas medalhas enquanto treinador do velocista Luís Gonçalves,
em Pequim 2008 e Rio 2016.
O Presidente do Comité Paralímpico de Portugal lamenta “profundamente a perda do amigo” e destaca as
características de “bom conversador, excelente profissional e um homem que privilegiava o consenso”. José
Manuel Lourenço enaltece ainda o “trabalho, dedicação e amizade para com o Movimento Paralímpico” e
afirma que “perdeu-se, hoje, uma figura incontornável do desporto nacional”.
O Comité Paralímpico de Portugal endereça as mais sentidas condolências à família e amigos de Nuno
Alpiarça e apresenta o eterno agradecimento pelo notável trabalho em prol do desenvolvimento do
desporto Paralímpico e da sua afirmação a nível internacional.
Nuno Alpiarça era irmão de Mário Alpiarça, professor de Educação Física na Escola D. José I, em Via Real de Santo António, grande dinamizador do BTT nesta localidade onde reside há várias décadas.
Ao Mário Alpiarça e restante família as nossas mais sentidas condolências.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: