Lagos apoia conservatório de artes e orquestra de jazz

O Conservatório de Música e Artes de Lagos é uma estrutura recém-criada pela Associação do Grupo Coral de Lagos

O município de Lagos vai apoiar financeiramente o Conservatório de Música e Artes de Lagos e a Associação Orquestra de Jazz do Algarve (OJA). A primeira instituição vai receber um subsídio de32 mil euros, enquanto a segunda será beneficiada com um subsídio anual de 20 mil euros.

O Conservatório de Música e Artes de Lagos é uma estrutura recém-criada pela Associação do Grupo Coral de Lagos, que leciona ensino especializado de música aos alunos do concelho que, estando matriculados no ensino público oficial, frequentam a componente artística em escolas da rede do ensino particular e cooperativo apoiadas pelo Estado.

O apoio financeiro agora aprovado destina-se a comparticipar o apetrechamento do conservatório com instrumentos musicais e a manutenção dos já existentes.

O município está também a apoiar esta estrutura ao nível da cedência de instalações, uma vez que a escola está a funcionar no ex-edifício da escola secundária Gil Eanes – atualmente sob gestão municipal, como espaço multiusos – e no espaço cultural Igreja das Freiras (Igreja de Nossa Senhora do Carmo), que tem como residente a Associação Grupo Coral de Lagos.

Orquestra de Jazz do Algarve investe na profissionalização

Por seu lado, o subsídio atribuído à Associação Orquestra de Jazz do Algarve tem como objetivo a concretização de um projeto de profissionalização daquela estrutura cultural, uma necessidade que foi apresentada junto da Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL) e que mereceu a atenção dos representantes dos vários municípios.

Em contrapartida pelo apoio disponibilizado, a autarquia lacobrigense receberá anualmente a realização de quatro concertos integrados na programação cultural do concelho.

Esta associação cultural teve a sua génese em Lagos, em 2004, no seio do Festival Lagos Jazz, uma iniciativa que se realizou durante 10 anos, sempre com o apoio da autarquia. Para além dos concertos, a OJA dinamiza igualmente as vertentes do ensino e da produção, trabalho que mereceu o reconhecimento do Ministério da Cultura com a atribuição da declaração de “elevado interesse cultural”.

Advertisements

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar
Tamanho da Fonte
Contraste