Manifestação: Sindicato da Hotelaria exige melhores salários e condições de trabalho

Dirigentes, delegados e ativistas sindicais do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Hotelaria, Turismo, Restauração e Similares do Algarve percorreram as ruas da baixa de Faro, esta quinta-feira, para exigir melhores salários e melhores condições de trabalho. 

Os manifestantes distribuíram um comunicado aos trabalhadores e outro aos clientes e população em geral.

“Esta ação teve como objetivo contactar os trabalhadores para os esclarecer sobre a situação contraditória que se verifica no sector, onde, por um lado se verifica um crescimento dos proveitos e dos lucros das empresas, e, por outro lado, os salários e o poder compra dos trabalhadores diminuem e as condições de trabalho se degradam”, explicaram os dirigentes sindicais.

A acção terminou em frente à sede da Associação dos Industriais Hoteleiros e Similares do Algarve (AIHSA) com a aprovação e entrega de uma moção àquela associação patronal que se recusa a aceitar as propostas do sindicato para 2019.

“Face à recusa dos patrões em repor o poder de compra perdido trabalhadores nos últimos anos e à degradação das condições de trabalho, nomeadamente com o aumento da desregulação dos horários de trabalho que põe em causa a conciliação da atividade profissional com a vida pessoal e familiar dos trabalhadores, o Sindicato apela à sindicalização e ao reforço da organização dos trabalhadores e à intensificação da luta reivindicativa nos locais de trabalho, pelo aumento dos salários e a melhoria das condições de trabalho e de vida”, acrescentou, entretanto, o Sindicato da Hotelaria em comunicado.

Advertisements
albufeira -
Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste