PSD vai exigir soluções à ministra da Saúde para o Hospital de Portimão

O PSD Algarve já mandatou os deputados Cristóvão Norte e José Carlos Barros para, na audição com a ministra da Saúde que se realizará esta semana, exigirem soluções para os problemas que têm vindo a público sobre o Hospital de Portimão.

“Foi tornada pública a notícia de que o serviço de urgência pediátrica estará encerrado no dia de hoje, e nos dois dias seguintes, 13 e 14 de julho, no Hospital de Portimão. Não se trata, deste modo, já apenas da maternidade que não tem escala em 33 dias até ao final do mês de agosto, mas sim da pediatria, afetando um numeroso conjunto de atos médicos, muitos deles carecendo de atendimento urgente”, referem os sociais-democratas em comunicado.

Segundo a distrital do PSD, “esta é uma desproteção dos bebés e das crianças, a qual, como temos sublinhado, se tornou no novo normal, com episódios sucessivos e intermináveis que deixam de rastos a confiança das famílias no SNS e violam o acesso à saúde”.

Perante esta situação, o PSD Algarve considera “absurda” a não abertura de vagas para estas especialidades no Algarve, num concurso que o Governo concebeu para responder às maiores carências que detetou no país.

“Na obstetrícia, foram abertas 12 vagas e nenhuma para o Algarve. Na pediatria 5 e nenhuma para o Algarve”, lembram os sociais-democratas.

pub

 

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste