Sequestro em Lagos dura há mais de oito horas. Três reféns continuam dentro da CPCJ

A PSP continua em alerta e preparada para todos os cenários

Um homem continua barricado na Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Lagos, depois de ter disparado contra a PSP à chegada dos agentes, ferindo um polícia sem gravidade na cabeça.

Dentro da CPCJ mantêm-se três reféns, dois homens e uma mulher.

.
O homem fez exigências aos negociadores que estiveram no local. Mas as autoridades preferiram não revelar o que ele pediu, por razões de segurança

O homem tem na sua posse várias armas, entre as quais uma caçadeira. O suspeito exige ver os dois filhos, que lhe foram recentemente retirados.

No local encontram-se mais de 50 elementos da PSP, inclusive do Grupo de Operações Especiais, que delimitaram um perímetro de segurança e tentam demover o homem.

.
.

O sequestro está a decorrer desde as 9h15. O homem, na casa dos 40 anos, já foi identificado pelas autoridades.

O JA sabe que os negociadores da polícia estão a fazer esforços para tentar demover o indivíduo e convencê-lo a sair livremente. A PSP está a agir com muita cautela para evitar vítimas neste caso.

.
.
- Publicidade -

A CPCJ de Lagos está situada numa zona habitacional, muito perto da escola Júlio Dantas.

Nuno Couto/JA

Fotos: Jornal do Algarve

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_imgspot_img

+ Populares

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -santos-populares-portimao

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste