CULTURA

Biblioteca Municipal de Faro reabre em junho

[mobileonly] [/mobileonly]

A Biblioteca Municipal de Faro vai reabrir ao público na próxima segunda-feira, em horário reduzido e com novas regras, entre as quais um limite máximo de pessoas e de permanência no espaço, anunciou a autarquia 

Em comunicado, a autarquia adianta que, numa primeira fase, “os serviços estarão condicionados de forma a assegurar o mínimo de risco” de propagação do vírus”, com a garantia de distanciamento social entre utentes e higienização do material. 

“Como medida de segurança, o acesso aos setores, serviços e estantes será sempre orientado pelos técnicos da biblioteca e a permanência na biblioteca terá um limite máximo de 60 minutos, assim como a utilização dos computadores”, segundo o comunicado enviado às redações.  

Além da obrigatoriedade do uso de máscara, só serão permitidas 28 pessoas em simultâneo na biblioteca, distribuídas pelos diferentes espaços, e não será possível ler jornais e revistas. 

Todos os documentos devolvidos e consultados serão sujeitos a um período de quarentena de nove dias, sendo que, neste período, “não se aceitam doações de documentos nem se realizam empréstimos interbibliotecas”. 

Segundo a biblioteca, será privilegiado o serviço de empréstimo domiciliário em regime de take-away, já iniciado em maio, e que “mantém as condições especiais de cinco livros pelo prazo de 30 dias não renováveis”.  

Para o empréstimo, o leitor pode aceder ao catálogo no endereço www.biblioteca.cm-faro.pt e escolher o que pretende, contactando, depois a biblioteca através do endereço eletrónico bemprestimo@cm-faro.pt ou pelo telefone 289 870 000. 

Os livros poderão, depois, ser levantados em data e hora agendada, não estando previstas penalizações nas devoluções dos documentos em atraso, desde que entregues até 5 de junho. 

A Biblioteca Municipal de Faro António Ramos Rosa funcionará em horário reduzido, das 10:00 às 17:30, de segunda a sexta-feira.  

As instalações foram encerradas em março, em virtude da pandemia de COVID-19, de acordo com as regras impostas pelo estado de emergência.  

A Câmara de Faro iniciou na passada segunda-feira a reabertura gradual dos serviços que se mantinham encerrados desde o decretamento do estado de emergência. 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste