DESPORTO FUTEBOL

Moncarapachense merecia melhor sorte

O Setúbal, valeu-se de um golo de excelente execução técnica, na sua estreia no Campeonato de Portugal,  para conseguir  levar a vitória, numa partida em que teve que trabalhar muito, perante a grande réplica dada pelo Moncarapachense.

Numa primeira parte pautada pelo equilíbrio, foram escassas as ocasiões de golo, apenas uma para cada lado. Situação diferente na segunda metade onde o Moncarapachense apareceu mais perigoso e ofensivo, criando algumas situações para marcar e vendo por duas vezes a bola ser devolvida pela barra da baliza sadina. 

Á falta de eficácia do Moncarapachense e explorando o contra ataque, o  Setúbal, marcou a seis minutos do final, com um golo mágico, uma verdadeira obra de arte de Mathiola, que deixou ao rubro cerca de duas dezenas de apoiantes que acompanharam a equipe nesta viagem ao Algarve.

Moncarapachense   0    Vitória de Setúbal   1

Estádio Dr. António João Eusébio ( Moncarapacho )

Arbitro : Diogo Rosa ( A.F. Beja ), auxiliado porRui Sesifredo e Alexandre Sesifredo

Moncarapachense : Mury Edda, P. Caeiro (F. Santos 37´), João Correia, Doris Nyeck, Luís Firmino, Ailton, Ivan (N. Correia 76`), Fábio Marques, A. Calvinho (Januário 46´), G.Almeida (N. Correia 76´) e Jahfort (Serginho 19´).

Treinador : Ivo Soares

Vitória de Setubal : João Valido, Diogo Martins, Marco Raposo, Bruno Almeida, Nuno Pinto, Rodrigo (Lima 73´), Kamo-Kamo ( Gonçalo 86), Marouca (J. Marques 73´), Mendy e Zequinha,

Treinador : Alexandre Santana

Marcador : ´0 – 1 Mathiola 84´

Disciplina : Rodrigo (23´), Gabriel Almeida (59´), Nuno Pinto (64´), Gonçalo (89´), João Valido ( 90+3´) e João Marques (90+4´).

José Manuel Martins

Tamanho da Fonte
Contraste
Bloggers %d como este: