Festival de dança passa por Portimão, Lagos e Silves

O festival de dança contemporânea “Entrelaçados”, que decorre de 13 a 24 de fevereiro, regressa este ano num formato arrojado ao abranger três cidades no Algarve.

Para além de Portimão, a cidade de Lagos e de Silves são os outros espaços de criação deste festival. “Serão 12 dias de programação intensiva em torno da dança contemporânea, os quais incluem espetáculos de dança, trapézio e de teatro físico, workshops, performances de rua, exposição de fotografia e uma prova de vinhos para aquecer os dias de inverno”, revela a organização.

Assim, ao longo de quase duas semanas, Portimão, Lagos e Silves acolhem bailarinos, criadores e companhias, para celebrar a expressão artística em suas várias vertentes e encher de movimento cada canto das cidades. Coreógrafos e intérpretes regionais e locais desfilarão ao lado de autores e artistas, nacionais e internacionais, visando uma partilha de experiências e intercâmbio cultural.

No dia 13 de fevereiro e em duas sessões distintas, uma às 9h30 e outra às 11h00, o auditório do museu de Portimão recebe o espetáculo infantil “Os Meus Monstros Marinhos”, promovido pela Dancenema e dirigido a alunos do 3º e 4º ano das escolas de Portimão.

No dia 15 de fevereiro, pelas 21h30, no teatro municipal de Portimão, Maurícia Neves apresenta “This is not for sale e é um manifesto!”, um trabalho que oscila entre a performance, o concerto, a TV surrealista e o set de DJ.

No sábado, dia 16 de fevereiro, das 10h30 às 13h30, a Casa das Artes recebe o workshop “Creative Lab” de Maurícia Neves com o valor de inscrição de 20 euros.

Entretanto, a junta de freguesia de Portimão será o palco da inauguração da exposição fotográfica “Algarve, Dança e Arte”, uma prova de vinhos e performance de rua para celebrar o movimento em pleno centro da cidade.

Destaque ainda para o espetáculo de dança “Vado”, no museu de Portimão, no dia 17 de fevereiro, pelas 17h00. Trata-se de uma performance-concerto onde são explorados movimentos e sons sem rosto e sem identidade.

Festival estende-se a Lagos e Silves

No dia 21 de fevereiro, pelas 21h30, o Teatro Mascarenhas Gregório em Silves recebe uma mostra de solos e duetos por jovens coreógrafos. No dia 23 de fevereiro, pelas 21h30, o Centro Cultural de Lagos recebe o espetáculo inovador “A snowballs chance in hell”, da Companhia Dinamarquesa Don Gnu, e um workshop de dança contemporânea pela mesma companhia, na Escola de Dança de Lagos.

Advertisements
Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste