Francisco Amaral surpreendido com “a violência da explosão”

.

O presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral, esteve junto à casa onde esta manhã faleceu um idoso na sequência de uma explosão, na Portela Alta de Baixo, freguesia de Odelite, e mostrou-se surpreendido com a violência da mesma.

“Fiquei extremamente surpreendido com a violência da explosão. A casa ficou completamente destruída e há pedaços que voaram mais de cem metros”, disse o autarca em declarações ao Jornal do Algarve.

O caso está ainda a ser investigado, mas tudo indica que se tratou da explosão de uma botija de gás ou de uma explosão provocada por uma fuga que gás.

A vítima mortal, de 78 anos, vivia com a sua mulher, de 73 anos, que foi transportada para o serviço de urgência de Vila Real de Santo António e, segundo as últimas informações, apresenta apenas ferimentos ligeiros.

Questionado sobre as medidas que a autarquia irá tomar, Francisco Amaral disse que, provavelmente, não haverá necessidade de efetuar realojamento.

“Vou falar com os filhos, que vivem em Faro e em Vila Real e Santo António, e com a senhora, mas penso que os filhos irão tomar conta da mãe e não haverá necessidade de ativar qualquer medida de realojamento”, explicou o autarca.

- Publicidade -

O casal estava reformado.

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_img

+ Populares

- Publicidade -festa-da-espiga

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste