POLÍTICA

Loulé: PSD volta a criticar atraso na construção de nova escola em Quarteira

 

símbolo do PSD
.

.

O PSD/Loulé considera que ainda “há dúvidas por esclarecer”, depois do edil socialista Vítor Aleixo ter explicado que o atraso no arranque da construção da nova Escola D. Dinis, em Quarteira, ficou a deve-se à desistência do empreiteiro.

No início deste mês, os sociais democratas tinham considerado o referido atraso como “inqualificável”, já que as obras tinham sido anunciadas, em abril, pelo autarca “para muito breve”.

Entretanto, Vítor Aleixo explicou que o empreiteiro alegou dificuldades financeiras e desistiu. O edil frisou que se trata de uma situação que ocorre com alguma frequência, à qual a autarquia é alheia, e que a Câmara vai avançar com um novo concurso público, desta vez internacional.

Porém, para o PSD local trata-se de “uma justificação infeliz” e que não é suficiente “para calar a revolta de pais e encarregados de educação que desesperam por uma nova escola com melhores condições para os seus filhos”. Os sociais democratas falam ainda do atraso que esta situação provocará: “Este novo procedimento demorará, no mínimo, mais oito meses, o que, a juntar ao tempo previsto de construção, significa que teremos uma nova escola em Quarteira lá para 2021”.

O PSD questiona porque é que a autarquia lança agora um concurso público internacional e não o fez antes e porque é que não acautelou a capacidade financeira do empreiteiro que ganhou o concurso anterior. No mesmo sentido, questionam se a Câmara já interpôs alguma ação judicial contra o referido empreiteiro e quando é que a nova escola estará a funcionar em pleno.

Advertisements

Assine já com 10% de desconto. Cupão: CPNOVO Ignorar

Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: