Mais 12 mil mortes do que o previsto aos fins de semana e à noite

Nos fins de semana e à noite morreram mais de 12 mil pessoas do que o esperado, em 2009, revela um estudo da Escola Nacional de Saúde Pública, indicando que este número representa 27 por cento dos óbitos nos hospitais públicos do Continente em 2009.

De acordo com o estudo, o total de óbitos em excesso ao fim de semana foi de 5.998, o que representa cerca de 13 por cento do total de óbitos hospitalares ocorridos em 2009.

O estudo da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) mostra também que no período da noite existe em todos os dias da semana um excesso de mortes observadas em relação ao esperado, representando um total de 8.800 no período da noite.

ncouto

ncouto

Jornalista. Carteira Profissional - 3143-A
Portugal

Adiconar comentário

Carregue aqui para comentar

Comentar

Tamanho da Fonte
Contraste