Maré Negra: BP desmente demissão de Hayward

Igor Setchin, o vice-primeiro-ministro do governo russo que responde pelo setor energético, disse hoje que o presidente executivo da BP, Tony Hayward, se vai demitir, mas a petrolífera desmentiu.

“Hayward vai abandonar o seu cargo, ele vai apresentar o seu sucessor”, disse Setchin em declarações aos jornalistas, sublinhando que isso não o levou a suspender o encontro com o presidente da BP, previsto para hoje.

Setchin não precisou se o sucessor será apresentado ou não no encontro em Moscovo.

Porém, Sheila Williams, porta-voz da BP, desmentiu essa informação em declarações à agência de informação financeira Bloomberg.

Na véspera, Setchin declarou que a catástrofe no Golfo do México não terá influência negativa na actividade da companhia russo-britânica TNK-BP, desmentindo os rumores sobre a venda da quota da BP nessa empresa mista.

A TNK-BP foi formada em 2003, pertencendo 50 por cento das ações à BP e outro tanto ao consórcio russo AAR.

A empresa extrai petróleo na Sibéria Oriental e Ocidental, nos Urais e na região do rio Volga. Além disso, possui cinco refinarias na Rússia e Ucrânia e 1 400 bombas de gasolina.

JM

Lusa/JA

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Advertisements

pub

 

Advertisements
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste