ALGARVE ÚLTIMAS

“Não dá mais para aguentar este aumento de impostos”

O IVA para a restauração à taxa mais elevada (23 por cento), continua, tal como no ano passado, a gerar vivos protestos por parte dos empresários (Foto: João Porfírio)
O IVA para a restauração à taxa mais elevada (23 por cento), continua a gerar vivos protestos por parte dos empresários (Foto: João Porfírio)

A manutenção da taxa máxima de IVA em 2014 – com uma sopa e um artigo de luxo a pagarem o mesmo imposto ao consumidor (23 por cento) – vai levar a mais despedimentos e ao encerramento de muitos cafés e restaurantes por todo o Algarve. Em declarações esta semana ao JA, Cristina Pires, da Ahresp, frisa ainda que a medida terá um “impacto desastroso num futuro muito próximo” e vai levar à “destruição” dos estabelecimentos que ainda resistem à crise com muitas dificuldades…

(Toda a informação na última edição do JA – dia 19 de dezembro)

NC/JA

PUB
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste