Pescador morre ao largo da praia de Faro depois de três horas de buscas

.

.

Um dos dois tripulantes de uma embarcação de pesca que sofreu um acidente esta quinta-feira ao largo da Praia de Faro foi encontrado já sem vida, depois de quase três horas de buscas.

A vítima mortal tem 74 anos. O outro tripulante, de 55 anos, foi transportado para o hospital, já que apresentava sintomas de hipotermia, mas verificou-se que não tinha ferimentos graves. Ambos são de Quarteira.

O Capitão do Porto de Faro recebeu o alerta cerca das 14h00, através de um telefonema feito por um representante da Associação dos Armadores Pescadores de Quarteira – Quarpesca, dando conta de que uma embarcação de pesca estaria em dificuldades, por ter ficado sem propulsão, com dois tripulantes a bordo.

“​Recebida a informação, o Capitão do Porto de Faro contactou de imediato o MRCC Lisboa (Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa) e iniciou as buscas com uma lancha da Marinha, uma embarcação da Polícia Marítima de Faro, uma embarcação da Estação Salva-vidas de Olhão e um helicóptero “EH-101 Merlin” da Força Aérea portuguesa”, explicou a Autoridade Marítima.

Pelas 16h55, com a ajuda de um veleiro francês, o helicóptero “EH-101 Merlin” da Força Aérea confirmou a posição das duas vítimas, juntamente com alguns vestígios pertencentes à embarcação que se encontravam na água, a cerca de 2,5 milhas (cerca de 4,5 km) a sul da praia de Faro.

No local, os elementos do veleiro francês conseguiram recolher uma das vítimas para bordo, tendo avistado a segunda vítima na água já sem vida.

O Capitão do Porto de Faro está a coordenar as operações.

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste