Plataforma organiza marcha contra exploração de petróleo no Algarve

A exploração de hidrocarbonetos na costa algarvia poderá avançar já no próximo mês de outubro

A Plataforma Algarve Livre de Petróleo (PALP) anunciou que vai levar a cabo uma marcha-corrida contra a exploração de petróleo na região. A iniciativa está marcada para o próximo dia 28 de junho (domingo), às 16h00, na Praia de Faro.

O percurso desta marcha será a Praia de Faro-Barrinha-Praia de Faro, e pode ser percorrido a pé, pela praia, de canoa ou pelo mar. “Esta marcha-corrida tem como objetivo sensibilizar a população portuguesa e em particular a população residente no Algarve para as potenciais consequências altamente nocivas da exploração de hidrocarbonetos (petróleo e gás natural) na costa algarvia”, frisam os responsáveis da PALP.

No final da marcha, a organização vai preparar um piquenique para promover o convívio entre todos os participantes, que terá como lema de conversa “a necessidade de fazer do Algarve uma região sustentável do ponto de vista ambiental”.

A PALP adianta ainda que o I Encontro Público – Algarve Livre de Petróleo, realizado no passado dia 30 de maio, em Faro, “foi muito positivo, uma vez que permitiu congregar sinergias entre os participantes no sentido de se avançar com estratégias de ação para se travar o negócio catastrófico para a região e para o país, da exploração de petróleo e gás natural na costa portuguesa”.

Segundo a PALP, o contrato de exploração de petróleo e outros hidrocarbonetos assinado pelo Estado Português com as empresas Repsol e Partex, para as concessões Lagosta e Lagostim, prevê que a exploração inicial avance já em outubro deste ano.

JA

- Publicidade -

.

- Publicidade-spot_img

Deixe um comentário

- Publicidade-spot_imgspot_img

+ Populares

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -santos-populares-portimao

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Tem uma Dica?

Contamos consigo para investigar e noticiar

Tamanho da Fonte
Contraste