ALGARVE

Portimão volta a dedicar mês de abril à prevenção de maus tratos na infância

Arrancou hoje, dia 1, a iniciativa “Abril, Mês da Prevenção dos Maus-tratos na Infância”, promovida todos os anos pela Comissão Nacional de Proteção de Crianças e Jovens com o objetivo de alertar a sociedade para esta problemática, à qual Portimão volta a associar-se, através da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) local, anunciou o município.

Nesse sentido, vão ser promovidas diversas iniciativas, entre as quais a iluminação em tons de azul, e ao longo de todo o mês de abril, quer do edifício dos Paços do Concelho quer das instalações da CPCJ de Portimão, onde será colocado um laço azul, símbolo deste flagelo social.

Sede da CPCJ

Uma vez que a conjuntura atual, devido à Covid-19, condiciona o desenvolvimento de ações que possam envolver grande número de pessoas, como costumava suceder noutros anos, a CPCJ solicitou aos estabelecimentos de ensino e educação das redes pública e privada do concelho a realização de atividades artísticas no âmbito da história do laço azul, a expor nos espaços públicos ou em janelas.

Durante este mês também será promovido o Calendário dos Afetos, composto por uma atividade diária simples, que convida à interação entre os pais e os seus filhos, reforçando assim os laços familiares e o bom relacionamento intergeracional.

PUB
Tamanho da Fonte
Contraste