CULTURA ÚLTIMAS

Tavira apresenta mais de meia centena de propostas culturais para a primavera

Susana Travassos atua com Manuel de Oliveira e João Frade em Santo Estêvâo. Paulo de Carvalho canta no 25 de Abril em Tavira

.

Três meses de música para todos os gostos, cinema, teatro, poesia e conferências na cidade e nas freguesias do concelho

DOMINGOS VIEGAS

O programa cultural “Viva a Primavera” está de regresso a Tavira com mais de meia centena de propostas culturais até meados de junho. Durante cerca de três meses, a Câmara e asssociações culturais do concelho põem em pé um vasto cartaz que inclui música, cinema, poesia, teatro, conferências e ainda a sexta edição da Mostra da Primavera.

De acordo com os responsáveis, este programa visa “estimular e valorizar a criatividade da comunidade, a iniciativa das organizações, as práticas culturais e o aparecimento de novos talentos artísticos, num período de renovação da natureza que vai do equinócio da primavera ao período do solstício de verão”.

Este sábado começam as exibições de filmes no âmbito do “Animate2”, no Cineteatro António Pinheiro, com o filme “Aelita”, musicado ao vivo por “Shaolines del Amor”. Em abril chega o “Monstra” – Festival de Animação de Lisboa (extensão em Tavira) com curtas metragens da competição oficial (dias 5, 12, 19 e 26) e curtas metragens infantis (nos dias 7 e 14).

Ainda durante este mês de março, de 26 a 29, acontece a iniciativa Arte na Primavera, com Músicas do Mundo (Josué Nunes, dia 26 na Ermida de Santa Ana), Algarve Strings Quartet (dia 27, na Igreja das Ondas

“12 temas 12 estilos” (Luís Conceição, dia 28 na Ermida de São Sebastião) e Duo Sérgio Conceição e Silvino Campos (dia 29, na Ermida de São Sebastião).

A Gala do Fado começa no dia 31 e decorrerá em várias freguesias do concelho com atuações durante os meses de abril, maio e junho. A última está marcada para o dia 16 de junho na Praça da República.

Também para o último dia de março está agendado o arranque dos Serões de Primavera na Casa do Povo de Santo Estêvão, com o concerto de Luís Severo. Segue-se Surma (7 de abril), Manuel de Oliveira com João Frade e Susana Travassos (21 de abril), Zé Francisco com Vitorino Salomé (5 de maio), Minta & The Brook Trout “Slow” (19 de maio) e Desidério Lázaro (2 de junho).

Mas o mês de abril começa com o Concerto de Páscoa, a cargo de Petite Messe Solennelle – Rossini (dia1, na Igreja do Carmo) e prossegue com Arte na Primavera no Jardim da Alagoa: Stevens & Kush (Valter Estevens e Kush Lescroge), no dia 2, e Leon Baldesberger Trio (Leon Baldesberger, Miguel Martins e Marco Martins), no dia 3. A Sociedade Recreativa Musical Luzense recebe no dia 8 a “PrimaveRIR”, uma tarde dedicada ao humor.

Também no mês de abril, a Casa Álvaro de Campos acolhe três conferências integradas na iniciativa “Os Antigos entre Nós – A antiguidade greco-latina na contemporaneidade”. Este ciclo de conferências prossegue com mais cinco conferências, quatro em maio e uma em junho. Ainda no âmbito das conferências, nos dias 4 e 5 de maio a Biblioteca Municipal Álvaro de Campos acolhe a Conferência Internacional sobre Gestão Cultural.

As comemorações do 44.º aniversário do 25 de Abril de 1974 incluem o concerto luso-russo “A Música e a Revolução”, às 17h00 na Igrega da Misericórdia, e a atuação de Paulo de Carvalho, às 21h30 no Mercado da Ribeira.

A sexta edição da Mostra da Primavera realiza-se de 27 a 29 de abril na Rua do Cais, Jardim das Palmeiras e Mercado da Ribeira. Inclui as atuações dos ranchos folclóricos da Luz de Tavira e de Tavira, Luís Galrito (com homenagem a Zeca Afonso), Paulo Sousa, Grupo Rastolhice e dois grupos de cante alentejano. No mesmo âmbito acontece o Festival de Música Popular (pela Sociedade Orfeónica de Música e Teatro de Tavira) e haverá ainda oficinas para crianças durante os dois dias.

O Encontro Artistico de Tavira está marcada para o dia 29 de abril, no Mercado da Ribeira.

O Festival de Teatro da Casa do Povo da Conceição começa no dia 5 de maio e prolonga-se até ao dia 9 de junho. No dia 8 de junho (em local ainda por definir) sobe a palco a peça “Mossê Moh”, pelo Grupo de Teatro A Gorda.

Também no mês de maio, o Mercado da Ribeira recebe o Festival Internacional de Acordeão “Um acordeão em Tavira” (dia 6) e o concerto “Maio Maduro Maio” com “5Soul” e Domingos Caetano (dia 19). Para a Biblioteca Álvaro de Campos estão agendadas duas iniciativas: “Lopes Graça e Pessoa” pela Partilha.
Alternativa (dia 11) e “A Casa” (dia 25), uma conferência e instalação da Armação do Artista.

Durante o mês de maio decorrerá ainda o segundo festival “A Palavra entre as Artes” (de 7 a 13), a leitura da “A Carta da Corcunda para o Serralheiro” na Rua da Galeria (dia 13), o Encontro de Coros da Primavera na Igreja Matriz de Santa Catarina da Fonte do Bispo (dia 27) e “Un soir a Lima” na Casa Álvaro de Campos (dia 27).

Para os dias 8 e 9 de junho está agendado o Festival “Sérgio Mestre”, que juntará bandas rock no centro histórico de Tavira. No dia 9, a Igreja da Misericórdia recebe a terceira edição do Encontro de Coros da Primavera.

Até ao dia 23 de junho estará a patente no Museu Municipal de Tavira a exposição “50 Anos de Pintura… até Tavira” com obras de António Carmo. A mostra pode ser visitada de terça-feira a sábado, entre 09h15 e as 16h30.

Advertisements
Tamanho da Fonte
Contraste
%d bloggers like this: