ALGARVE

Presidente da República manifesta pesar por morte de GNR em Portimão

Presidente da República manifesta pesar por morte de GNR em Portimão
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lamentou no sábado a morte de um militar da Guarda Nacional Republicana (GNR), vítima de um acidente de viação, em serviço, na zona do autódromo internacional de Portimão.

“Foi com profunda consternação que o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa tomou conhecimento do acidente de viação do qual resultou a morte do Primeiro-Sargento João Fernandes, militar da GNR, que prestava serviço no Destacamento de Trânsito de Faro”, pode ler-se numa nota publicada no ‘site’ da Presidência da República.

“Neste momento de perda prematura, não deverá ser olvidado o seu contributo, enquanto militar da Guarda, para a segurança de Portugal e dos portugueses”, acrescenta.

De acordo com a nota, Marcelo Rebelo de Sousa já transmitiu à família do primeiro-sargento João Fernandes “os mais sinceros pêsames, extensíveis a amigos, bem como a todos os profissionais da GNR”.

Também o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita lamentou no sábado a morte do militar da GNR.

O acidente ocorreu cerca das 20:00 de sábado, na estrada que dá acesso ao Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, entre um motociclo da GNR em serviço na segurança da prova de MotoGP e uma viatura ligeira de passageiros. 

Segundo o comunicado, o acidente causou um ferido ligeiro e um ferido grave, respetivamente condutor e passageiro da viatura ligeira de passageiros, bem como a morte do militar da GNR.

PUB
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Tamanho da Fonte
Contraste